Sob a areia – François Ozon

Bom, pessoal, tem meses que não posto nada aqui no blog – me desculpem – mas a minha vida anda tão corrida, que não ando com tempo de escrever aqui.

Recentemente assisti SOB A AREIA do cineasta francês François Ozon (o mesmo de Swimming pool, 8 Mulheres, Amor em Cinco Tempos, O Tempo que resta, Angel e o mais recente – que vale um post O REFÚGIO).

SOB A AREIA conta a história de um casal que vai para uma casa de praia passar um final de semana. O marido entra no mar e desaparece. Desesperada e sem encontrar o corpo do marido, a esposa volta para Paris e continua levando a vida como se o marido estivesse vivo.

Ozon trata a morte de uma maneira sublime. E Charlotte Rampling (uma de suas musas) dispensa apresentações. Fantástica, na medida, grande atriz. O filme é curto, silencioso, mas profundo. Fala de amor, de solidão, de perda e do vazio – vazio e silêncio.

A cena final é espetacular. O filme não é muito fácil de encontrar – vi recentemente, mas recomendo. Fico impressionado com a capacidade de Charlotte em emocionar. No you tube tem uma entrevista com ela sobre o filme.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: